Meu Filho Não Come | O que Fazer?

por

“Meu filho não come, o que fazer?” Calma Mãe, eu já passei por isso e sei como te ajudar. 

Na verdade, qual mãe que nunca passou por isso? O desespero de um filho não comer é uma preocupação na vida de uma mãe. 

Com 5 filhos e alguns netos no currículo, eu já passei por esse desespero diversas vezes. Por isso criei esse guia completo do que fazer se seu filho não quiser comer de jeito nenhum. 

As razões podem ter relação a diversos fatores, por isso a importância de identificar a causa da falta de apetite e aí sim testar soluções específicas.  

Continue lendo para descobrir as possíveis causas e dicas específicas do que fazer se seu filho não comer nada. 

Identificando a causa da falta de Apetite do meu filho

A falta de fome do seu filho podem ser diversos fatores, por isso a importância de identificar a causa primeiro e depois tentar as soluções.

Veja algumas causas que podem estar tirando a fome do seu filho.

Falta de Apetite Natural

As causas da falta de apetite do seu filho podem acontecer de forma natural talvez sejam só momentâneas.

Nascimento ou troca de dentes

Seja os dentinhos de leite se formando até os dentes permanentes substituindo os de leite, a sua criança vai sentir incômodo. Esse processo pode causar muita dor, ficando difícil de mastigar.

Algumas crianças mal conseguem abrir a boca normalmente. 

Dica: Eu recomendo dar alimentos fáceis de mastigar, como frutas ou uma batata molinha bem cozida. Ou coisas mais pastosas ou líquidas, tipo sopa ou iogurte. Você também pode usar também suplementos que abrem o apetite da sua criança.

Remédios anestésicos também podem aliviar incômodo e a dor, fazendo sua criança voltar a comer. É sempre bom conversar com o pediatra do seu filho. 

Gripe e Febre

Quando estão doentinhos eles sempre perdem a fome. Tenha paciência extra com seu filho, porque é necessário. 

Dica: Faça seu filho tomar mais água para hidratar. Comidas com muita vitamina C como laranja e kiwi ajudam a ganhar apetite de volta. 

Diarreia

Uma situação delicada, porém é passageira. A diarreia pode causar frustração no seu filho. Tudo que ele come, ele bota para fora. Isso faz com que ele perca o paladar e não coma nada.

Dica: Água é importantíssimo para hidratação. Evite alimentos que soltam o intestino , como abacate, mamão, laranja. 

Falta de Apetite Comportamental

O comportamento e as “manias” vão fazendo com que sua criança perca o apetite e não queira comer. 

Socialização e Distração:

Sua criança vem brincando muito com os amigos? Isso pode ser um fator para falta de apetite. Com tanto amigo, brinquedo, atividade, a criança se distrai tanto que não quer comer. 

Dica: Normalmente isso é uma fase que vai passar. O que você pode fazer é cortar as diversões se ele não comer o que você deseja. 

Comportamento Infantil:

Você tenta fazer sua criança comer espinafre e ela se joga no chão fazendo um show. Difícil né mãe. Algumas crianças evitam comer justamente para chamar atenção ou por birra.

Dica: Lidere pelo exemplo, se todos da família estão na mesa ao mesmo tempo e comem saudável, sua criança não vai ter escolha.

Distúrbios Alimentares na Infância

Com algumas das dicas acima a falta de apetite da sua criança pode ser resolvido de forma simples.  

Porém se você é uma daquelas mães que já tentou de tudo talvez seja a hora de contactar um médico. 

Pode ser algum distúrbio alimentar como esses aqui:

Distúrbio da alimentação restritiva ou seletiva

É quando a criança limita alguns alimentos por causa da aparência, textura, odor, e cor. Por exemplo, seu filho só come frutas. Ou não come comida quente de jeito nenhum. 

Dica: Esse distúrbio não é algo visível então a família pode não perceber. Por isso procure um médico especializado para diagnóstico. 

Distúrbio do processamento sensorial

É quando a criança tem dificuldade de responder aos sentidos como visão, olfato, cheiro, tato, paladar. Ou seja, o paladar dela e cheiro pode ser sensível, dificultando a alimentação dela. 

Ela pode ter hipersensibilidade ou hipossensibilidade. 

Dica: Quanto mais você for pior o problema pode ficar. Por isso procure um médico especializado para diagnóstico e tratamento. 

Soluções Práticas para fazer seu filho comer de tudo

  • Minha falecida mãe costumava dizer que a melhor hora de comer salada é quando se está com fome. Com as crianças é a mesma coisa, tentar introduzir alimentos novos quando ele está com fome, a chance dele gostar e aceitar é maior. 
  • Como mãe sempre tenha muita paciência, seu filho é o seu bem precioso então estenda a paciência com ele.
  • Faça sua criança respeitar a hora de comer, sem comida na frente da TV ou do computador. A falta de foco pode ser uma causa da falta de apetite do seu pequenino.
  • Às vezes o problema é você mamãe, experimente outra pessoa dar comida para sua criança.
  • Já misturei muito arroz com brócolis até meus filhos gostarem. Misturar algum alimento novo com algo que a criança goste também funciona.
  • As vezes eu costumo tentar de 8 a 10 vezes antes de desistir de um alimento específico para meu filho. Texturas diferentes, receitas diferentes, ambientes diferentes, tudo isso pode funcionar.
  • Educar a criança sobre os alimentos também é importante, às vezes falta instrução.
  • Eu gosto sempre de levar os meus no mercado, mostrar os alimentos, contar características deles, até livros sobre comida é recomendado
  • Tente tornar as refeições da família uma religião. Todo mundo senta na mesa, no mesmo horário e come. Com o tempo a criança vai se acostumando com o ritmo e vai comendo cada vez mais. 

E agora, o que fazer? 

Como falado acima, tente identificar a causa do porque seu filho não come. Às vezes é difícil mesmo, por isso peça ajuda ao seu marido ou alguém da família. 

Muitas das soluções práticas podem ser implementadas hoje! Veja o que faz sentido para você e a sua família. 

Afinal, a família é uma comunidade, é um todo onde todos devem se ajudar. 

Deixa eu te perguntar, seus filhos estão te ajudando em casa? 
Você sabe quais tarefas de casa são ideais para eles? Da uma olhadinha no nosso guia para saber quais atividades domésticas seu filho pode fazer em casa.

Photo of author

Marcia Toledo

Mãe de 3, madrasta de 2 e avó de 4 me deu o titulo de Mãe Experiente. Depois de Pura pressão social, decidi compartilhar meus conhecimento sobre ser uma mãe e ter uma familia.